Reflexões

Quem eu sou?

Lih, não se joga fora a identidade que você criara em função das circunstâncias, das pessoas, dos relacionamentos... Ela é importante na sua vida! Talvez ela precise apenas ceder espaço para outras expressões de você mesma. "Quem eu sou?" tem mais de uma resposta e nenhuma está errada; e talvez nenhuma esteja certa. Você, assim… Continue reading Quem eu sou?

Reflexões

Raiva e ódio (anger and hate)

Há uma semana e meia, mais ou menos, fui assolado por uma raiva e um ódio enormes! Raiva e ódio de tudo e de todos! Um desejo forte de auto-comiseração e auto-destruição imploravam para emergir. A Lih sempre quis que eu expressasse minhas emoções. Dessa vez, então, fiz diferente e mostrei-lhe falando sobre elas. Abandonei… Continue reading Raiva e ódio (anger and hate)

Crônicas

Sonho: fazendo as pazes

Eu havia sonhado e, então, o sonho acabou e eu acordei. Acordei no horário de sempre, 5h29, mesmo com o despertador ligado. Pensei que perderia o sono e desperdiçaria as duas horas a mais que eu tinha nesse dia para dormir. Mas, adormeci e sonhei novamente. Quando despertei, poucas lembranças do sonho permaneciam retidas na… Continue reading Sonho: fazendo as pazes

Viagem

Patagônia

Minha médica homeopata uma vez me disse que toda a viagem para fora, em realidade, é uma viagem para dentro. Quando comecei essa viagem à Patagônia chilena, queria que ela fosse um encontro direto com minhas emoções! Que eu aprendesse a sentir! Encontrei o que desejava, mas de uma forma completamente surpreendente. Em Torres del… Continue reading Patagônia

Nossa historia

I will always, always, always love you

The best love is the kind that awakens the soul; that makes us reach for more, that plants the fire in our hearts and brings peace to our minds. That’s what I hope to give you forever. O melhor amor é o tipo que desperta a alma, que nos faz alcançar mais, que planta o fogo… Continue reading I will always, always, always love you

Nossa historia

Domingo: Mamãe e Papai (sunday: mom and dad)

Meu papai está usando uma garrafinha de água como mamadeira para mim. Eu não tenho forças nem apetite para comer. Meu estômago não quer digerir a comida. Meu sangue não tem vontade de absorver os nutrientes. Eu me sinto cada vez mais fraca. Eu mal consigo andar, porque meu corpo está muito pesado para minhas… Continue reading Domingo: Mamãe e Papai (sunday: mom and dad)

Nossa historia

Sábado: O Veterinário (saturday: the vet)

— Pandoraaa, venha comer. Eu não posso acreditar que você não esteja com fome, minha linda gulosa. Você sempre morde meu pé para me tirar da cama e te dar comida! Owm, mamãe... eu estou com tanta fome, mas minha barriguinha não quer comida. Eu acho que ela ainda com o almoço de ontem... é tão… Continue reading Sábado: O Veterinário (saturday: the vet)

Nossa historia

Sexta-feira: O Sangue no Xixi (friday: the bloody pee)

Acorde, papai! Au-corde, au-corde, au-corde! Vamos passear! Eu preciso fazer xixi! Au-corde, au-corde! Isso! Vamos, vamos! Papai colocou sua roupa e nós descemos para a rua. O tempo está tão gostoso, tão fresco, o nascer do sol tão lindo, a grama tão úmida! Eu vou esvaziar minha bexiga com tanta alegria. Deixa eu cheirar meu… Continue reading Sexta-feira: O Sangue no Xixi (friday: the bloody pee)

Nossa historia

Quinta-feira: O Vômito (thursday: the spew)

Hoje é quinta-feira. Minha mamãe e meu papai não estão muito bem. Parece que falta carinho entre eles; nunca os vi assim. Eles parecem estressados e isso os impede de deixar o amor que existe neles de fluir. Não gosto disso e não quero vê-los assim! Eu vou consertar isso e é agora! Essa manhã,… Continue reading Quinta-feira: O Vômito (thursday: the spew)

Nossa historia

Quarta-feira: O Sonho (wednesday: the dream)

Esses são meus últimos cinco dias na Terra com vocês. Meu pai entrou em nossas vidas após três anos que mamãe me escolheu. Eu nasci com dez outros filhotes. Quando vi minha mamãe, meus olhos sorriram tanto que eu tive certeza do meu destino nessa vida! Não me perguntem porquê, mas mamãe me chama de… Continue reading Quarta-feira: O Sonho (wednesday: the dream)