Crônicas

Sonho: angústia (dream: anguish)

No sonho de hoje, primeiro de agosto, quarta-feira, senti muita angústia! Lembro-me apenas de uma cena. Eu estava no jardim da frente da casa em que cresci. Penso que estava acompanhado, talvez pela Lih. Um grupo de pessoas vem pela rua, deviam ser cerca de oito pessoas. Acho que primeiro elas desceram pela rua até… Continue reading Sonho: angústia (dream: anguish)

Reflexões

Identidade…

Sabe quando a vida vai mudando da maneira mais profunda que você jamais imaginaria?! Pois é, sinto que isso está acontecendo comigo. Eu estou descobrindo uma nova identidade. Até agora eu adotava uma identidade que achava ser importante para: ser boa esposa, ser bem-sucedida no trabalho, me dar bem com os outros... etc. Sim. Vejo… Continue reading Identidade…

Crônicas

Sonho: aeroporto e cidade

Hoje tive um sonho bastante gostoso. Lembro que era sequencial, mas na consciência ficaram cenas cuja linha narrativa se perdeu na noite. O local era uma cidade, pequena, com ares de interior europeu: não havia muro cercando as construções, em sua maioria; havia muito verde, as calçadas e caminhos eram asseados e as pessoas dividiam… Continue reading Sonho: aeroporto e cidade

Reflexões

Raiva e ódio (anger and hate)

Há uma semana e meia, mais ou menos, fui assolado por uma raiva e um ódio enormes! Raiva e ódio de tudo e de todos! Um desejo forte de auto-comiseração e auto-destruição imploravam para emergir. A Lih sempre quis que eu expressasse minhas emoções. Dessa vez, então, fiz diferente e mostrei-lhe falando sobre elas. Abandonei… Continue reading Raiva e ódio (anger and hate)

Viagem

Patagônia

Minha médica homeopata uma vez me disse que toda a viagem para fora, em realidade, é uma viagem para dentro. Quando comecei essa viagem à Patagônia chilena, queria que ela fosse um encontro direto com minhas emoções! Que eu aprendesse a sentir! Encontrei o que desejava, mas de uma forma completamente surpreendente. Em Torres del… Continue reading Patagônia

Nossa historia

Her dowry

At our fist date, at begins of March, she chose a neutral and public place to meet ourselves: a restaurant called "Leite Derramado" (Milk on Street). After the afternoon coffee and a lot of talk, we went to movies, 7 pm session. Then, I took her home. We spend all the dawn talking and kissing… Continue reading Her dowry